Instituto Trovadores Urbanos promove oficinas para crianças de Cajamar, onde serão construídos instrumentos musicais com material reciclado

6 de junho de 2018 20:12
Duas oficinas que ensinam crianças a utilizarem material reciclado na construção de instrumentos musicais fazem parte da agenda do mês de junho do Instituto Trovadores Urbanos.

No mês de junho, duas oficinas muito concorridas são promovidas pelo Instituto Trovadores Urbanos em Cajamar em escolas do projeto de musicalização do Instituto, o Escola de Trovadores. Na Escola Veneranda, foram realizadas duas oficinas no dia 7, na Escola Antonio Pinto serão mais duas oficinas, realizadas no dia 14. Nessas oficinas, as crianças aprendem todo o significado e importância da reciclagem de um modo geral e, ainda aprendem como construir um instrumento musical com material reciclado.

Desde que o ser humano percebeu a importância da reciclagem para a vida do planeta Terra – portanto para sua própria vida – a tarefa de reciclar e utilizar o material reciclado passou a estar presente em nosso dia a dia. Reciclar é transformar materiais usados em novos produtos de consumo, totalmente feitos com esse material reciclado. E a necessidade de reciclar tornou-se mais urgente a partir da década de 80, quando aumentou muito a produção de materiais descartáveis. Dessa maneira, além de preservar o meio ambiente, usar material reciclado também passou a significar a geração de riquezas. Os materiais mais reciclados são o vidro, o alumínio, o papel e o plástico e isso contribuiu também para a diminuição significativa da poluição do solo, da água e do ar.

E claro que a reciclagem chegaria rapidamente também à Arte! E a arte musical ganhou muito com os instrumentos feitos de material reciclado, especialmente os instrumentos de percussão, que emitem sons bem parecidos com os dos instrumentos feitos com materiais novos.

E essas oficinas foram criadas também porque confeccionar instrumentos musicais é uma atividade muito divertida, além de bastante educativa, dentro do objetivo maior do trabalho desenvolvido pelo Instituto Trovadores Urbanos, que é levar a música para a vida das crianças, de modo que faça toda diferença, transforme corações e encha de afeto a vida de todas as famílias envolvidas no projeto.

São vários os instrumentos que podem ser feitos utilizando materiais reciclados, facilmente encontrados em casa. Chocalhos diversos, pandeiros, reco-recos, xilofones, tambores, triângulos, pratos, flautas, cornetas e tantos outros, que permitem um aprendizado especial, sem nenhuma dúvida.  Além de ser um projeto recreativo e barato, construir esses instrumentos é também uma tarefa muito simples. O divertimento educativo começa já pela separação do material reciclado e envolve os pequenos de maneira completa, fazendo com que as crianças reforcem seu amor à música e educação de maneira geral, transformando tudo numa deliciosa brincadeira cheia de afeto.

E de afeto os Trovadores Urbanos entendem muito bem! A serenata – por onde iniciaram esse caminho tão especial – traz a maravilha que uma música proporciona aos seres de maneira tão intensa. E, agora, também o projeto do Muro do Afeto distribui pela cidade palavras de amor que geram mais afeto formando, assim, uma grande Corrente do Bem.

Todo o trabalho do Instituto Trovadores Urbanos tem por objetivo maior a socialização das crianças através da canção e de tudo o que essa proporciona a elas, promovendo a interação entre colegas de classe, professores, amigos, familiares e trazendo um desenvolvimento fundamental que somente acrescenta benefícios a todo o trabalho educativo da escola que essas crianças frequentam. Um trabalho especial, cheio de afeto, conduzido por pessoas que constroem um mundo melhor, os trabalhadores do Instituto Trovadores Urbanos.

Suely Vargas é a responsável por conduzir essas oficinas e, para ela, aquele momento mágico, quando a criança tira o som de um instrumento confeccionado por suas próprias mãos, é fascinante e proporciona uma experiência inesquecível.

 

Oficinas de construção de instrumentos musicais em Cajamar

As oficinas de construção de instrumentos musicais tem realização em duas escolas em Cajamar, participantes da Escola de Trovadores, projeto do Instituto Trovadores Urbanos. As primeiras oficinas aconteceram no dia 7 de junho, na Escola Veneranda, às 10 horas e às 13 horas; as próximas serão em 14 de junho, na Escola Antonio Pinto, às 10 horas e 40 e às 13 horas. Cada oficina tem capacidade para 50 alunos. Em Cajamar, os dois núcleos nas EMEBs Antonio Pinto e Veneranda são patrocinados pela Votorantim Cimentos por meio do Programa de Ação Cultural do Estado de São Paulo, o ProAC-ICMS.

Sobre Suely Vargas

Sueli Vargas é cantora, atriz e oficineira. Com o conhecimento trazido pelo universo da música e o interesse pela questão ambiental, em busca de um mundo melhor e reciclável, Sueli Vargas apresenta uma oficina lúdica de musicalização consciente. O curso livre traz em seu conteúdo, a arte de confeccionar seu próprio instrumento, a partir de garrafas pet descartadas, além de noções básicas de ritmo e melodia.

Sobre a Escola de Trovadores

O projeto Escola de Trovadores oferece aulas semanais de musicalização, canto e coral e expressão corporal, para crianças e adolescentes em 03 núcleos implantados em escolas públicas de São Paulo e Cajamar. Em São Paulo, o primeiro núcleo foi implantado em 2013, na Escola Estadual Professora Joana Abrahão. Em Cajamar, os dois núcleos nas EMEBs Antonio Pinto e Veneranda são patrocinados pela Votorantim Cimentos por meio do Programa de Ação Cultural do Estado de São Paulo, o ProAC-ICMS.

Sobre a Votorantim Cimentos

Fundada em 1933, a Votorantim Cimentos se tornou uma das maiores empresas globais do setor. O portfólio de materiais de construção vai além dos cimentos e inclui concretos, argamassas e agregados, além de insumos agrícolas. As unidades da Votorantim Cimentos estão estrategicamente próximas aos mais importantes mercados consumidores em crescimento e presente em 11 países, além do Brasil: Argentina, Bolívia, Canadá, Espanha, Estados Unidos, Índia, Marrocos, Peru, Tunísia, Turquia e Uruguai. Se no passado a Votorantim Cimentos tinha orgulho de ter contribuído para o desenvolvimento e industrialização do país, hoje a empresa constrói o futuro com parcerias, inovação e sustentabilidade, sempre focada em seu propósito: a vida é feita para durar. Em 2018, o grupo Votorantim completa 100 anos e nossa forma de comemorar é cuidar da educação do Brasil, com diversas ações, entre as quais estão a adoção de 100 municípios que recebem o programa “Parceria Votorantim pela Educação”. Acreditamos que a atuação social integrada considerado todos os atores de uma comunidade, fortalecem a educação de um município.

Para nós, iniciativas como esta e como a Escola de Trovadores reforçam a corresponsabilidade de todos para uma educação de qualidade.

 

Compartilhe

Notícias Recentes
Agenda
Siga os Trovadores!
Curta os Trovadores!